Obra de pavimentação beneficiará 4 mil moradores do Grande Mappin

Ordem de serviço já foi dada e trabalhos começam nessa semana. Lançamento faz parte do pacote de R$ 215 milhões em obras e serviços que será entregue à população durante as festividades de aniversário de Várzea Grande

Mais dois bairros de Várzea Grande vão receber obras de pavimentação de ruas e avenidas. Várzea Grande trabalha para pavimentar 95 quilômetros de ruas e avenidas e recapear outros 80 km de pavimento já desgastado pelo tempo e uso no ano de 2022.

O Parque das Nações e o Terra Nova que pertencem a Região do Grande Mappin/Imperial, deram início as obras que fazem parte das Festividades em comemoração aos 155 Anos de Fundação de Várzea Grande, que estimam recursos da ordem de R$ 215 milhões entre recursos próprios, federais e estaduais.

O prefeito Kalil Baracat acompanhado pelo vice, José Hazama e pelo senador Wellington Fagundes (PL), autor de emenda de recursos federais já liberados para essa obra no valor de R$ 8,8 milhões dos quais R$ 5 milhões são da emenda do parlamentar liberal e vai contemplar cerca de 8 quilômetros de novas ruas e avenidas.

Os bairros Parque das Nações e Terra Nova serão atendidos com obras de pavimentação asfáltica de ruas e avenidas, além de obras complementares de galerias de águas pluviais que evitam a ação das águas das chuvas, além de meio-fio e sarjeta. Essas obras vão custar mais de R$ 8,8 milhões em recursos próprios e federais vindos através de emenda parlamentar do senador Wellington Fagundes.

O lançamento é um dos maiores em pavimentação previstos para Várzea Grande neste ano. Do total orçado, cerca de R$ 5 milhões foram viabilizados por meio de emendas do senador Wellington Fagundes (PL) e o restante, aproximadamente, R$ 3,8 milhões são contrapartida do Município.

Ao lançar as obras, o prefeito Kalil fez questão de dizer que mais que um presente à infraestrutura da cidade, essa pavimentação é a concretização de um anseio antigo da região e uma promessa de campanha. “Assim que assumi a prefeitura, em 1º de janeiro de 2021, o Parque das Nações e o Terra Nova foram os primeiros locais que visitei, e aqui mesmo, junto aos moradores, selamos esse compromisso e esse voto de confiança na gestão que se iniciava. Agradeço por acreditarem no nosso trabalho e agradeço ainda o senador Wellington por acreditar na gestão do prefeito Kalil e batalhar pela liberação desses recursos”.

A pavimentação, como destacou o vereador, Cleyton Nassarden Guerra (Sardinha), líder do prefeito na Câmara Municipal, não apenas vai trazer qualidade de vida aos morados e valorização imobiliária, como será um eixo importante de integração viária, acessando a região do Mappin à Mário Andreazza e aos centros de Várzea Grande e Cuiabá. “É mais uma ligação dentro da cidade que facilita a mobilidade de todos”.

O senador da República, Wellington Fagundes, disse que o asfalto nos bairros era um pleito bastante antigo dos moradores. “Não tinha como não destinar uma emenda para essa região. O grande Mappin é um dos bairros mais importantes de Várzea Grande e merecia esse olhar atento do poder público. Fico feliz em prometer trazer esse benefício e estar aqui novamente para ver ele se concretizar”.

A líder comunitária Jane Silva, contou que desde que era deputado federal, Wellington vinha lutando para liberação dos recursos. “Hoje, senador, ele pôde vir aqui, junto com o prefeito Kalil, e anunciar essa obra, que é o sonho de cada um dos moradores. Um benefício muito esperado e que hoje é real”.

O presidente do bairro Terra Nova, Francisco de Assis Silva, morador há 25 anos, disse estar sem palavras para descrever o que a obra de pavimentação representa para sua população. “O que consigo expressar nesse momento é gratidão. Começamos a escrever uma nova história a partir de hoje”. Como fez questão de lembrar, “esse será o último período de estiagem que vamos respirar e ‘comer’ poeira”.

O prefeito apontou ainda que aonde o asfalto, recupera a autoestima dos moradores. “A valorização imobiliária e o ganho em qualidade de vida refletem nos investimentos que cada morador passa a fazer, uns muram as casas, outros pintam, outros constroem onde era apenas terreno, colocam grandes e portões, plantam árvores e gramas. As pessoas ficam motivadas e melhorar o bairro onde vivem e a valorização se multiplica”.

INFRAESTRUTURA – No seu primeiro ano de gestão, ainda dentro de um cenário pandêmico e imerso em muitas incertezas, a prefeitura de Várzea Grande encerrou o período com mais de R$ 200 milhões em investimentos, maciçamente canalizados para pavimentação e distribuição de água.

Em 2022, a meta é aplicar mais R$ 200 milhões em obras estruturais e finalizar esse exercício com 95 quilômetros de asfalto novo, 80 quilômetros de revitalização asfáltica (recape) e aplicar, somente na melhoria do sistema de distribuição de água, R$ 100 milhões.

“Vamos licitar a estação de tratamento do Chapéu do Sol, obras com recursos do governo do Estado e do Município, sendo apenas R$ 9 milhões do Tesouro Municipal. Outra importante licitação é a da estação de tratamento que será implantada no bairro 7 de maio. Várzea Grande não para. Nosso trabalho é focado em melhorar a infraestrutura da cidade, a qualidade de vida da nossa gente e fazer da cidade um ambiente próspero para geração de empregos, renda e atração de investimentos”, finalizou Baracat.

Dentro das festividades, como lembra o secretário de Viação, Obras e Urbanismo, Luiz Celso de Moraes, serão entregues 3,5 quilômetros de asfalto novo no bairro Santa Terezinha e outros 2,5 quilômetros no Jardim Paula III. “Já entregamos no ano passado pavimentação que equivale à distância entre Várzea Grande a Rondonópolis e nesse ano vamos entregar um trecho equivalente, é como se fosse a viagem de ida e volta ao sul do Estado”, comparou.

Galeria Secom

Fonte: Secom/VG